Livro “Não verás país nenhum”

Esse livro, escrito por Ignácio de Loyola Brandão, é uma espécie de “1984” brasileiro, com pitadas de desastres ecológicos. Um dos melhores livros de distopia! Parece que tem uma nova edição que saiu recentemente, mas está meio cara para o meu gosto. Ir nos sebos parece uma boa pedida, não é muito difícil de ser encontrado, eu creio.

A história se passa num Brasil devastado por um desastre ecológico, onde a água é escassa e controlada pelos poderosos, os pobres e a classe média lutam para obter a água (um recurso valiosíssimo) e comida, e fogem constantemente do calor. Não há animais por perto, é raro ver um e também não há plantas. Enfim, não vou contar muita coisa para não estragar, mas é um livro que vale a leitura! Ignácio mostrou um futuro bem plausível e o quanto o homem pode ser punido por suas atitudes contra a Mãe Natureza (que aliás, já está começando a ser punido).

De vez em quando, ao beber água, penso no futuro que nos espera…

Anúncios

Sobre giseli

Eu: Engenheira, sedenta por bits e chocólatra assumida. Além de ser fã de IAs, principalmente Wintermute e HAL9000
Esse post foi publicado em Ficção, Livros. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Livro “Não verás país nenhum”

  1. Nem fala, Gi, o livro é fantástico e a distopia que ele mostra é realmente assustadora… a ponto de ainda hoje me fazer pensar. E olha que eu não sou de me assustar muito com livros, não.

    :*!

  2. Társis disse:

    Fiquei interessado, mas ainda tenho uma bela fila de livros para ler…
    Será que eu baixo esse em algum lugar?

    beijo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s